A Importância da Educação Infantil

            Um bom desenvolvimento humano está cada vez mais relacionado com o trabalho realizado da Educação Infantil. A longo prazo o benefício do ensino para as crianças menores de 6 anos, são muito efetivos e garantem uma formação sólida para o futuro. É na Educação Infantil que as crianças começam a existir fora do convívio familiar, lidando com as diferenças, desenvolvendo sua personalidade e autonomia, criando laços de amizade, descobrindo mais sobre si mesmas e as diferentes áreas do conhecimento.

Ela funciona como uma base para as demais etapas da educação formal, favorecendo com o seu aproveitamento correto que as crianças conquistem atitudes de autoconfiança, de cooperação, de solidariedade e de responsabilidade. Valores determinantes para o sucesso em sua vida escolar e individual.

A Educação Infantil é voltada para atender crianças de zero a cinco anos de idade. No Brasil, é obrigatória para as crianças a partir dos quatro anos. O Colégio Desafio divide a Educação Infantil em três fases de aprendizagem: Maternal (3anos), Nível I (4anos), Nível II (5anos).

É natural para os adultos ter horários, cumprir compromissos, contudo esse entendimento da sequencia de atividades a serem realizadas, começa nos primeiros anos de vida, sendo assim ter ROTINA é extremamente necessário para os pequenos. Pequenas ações como hora de acordar, hora das refeições, de tomar banho, brincar e ir para a escola, interferem positiva a significativamente no desenvolvimento humano e na formação do cidadão crítico-reflexivo.

Ter e cumprir horários, ajuda a evitar o estresse e a correria dos pais, auxiliando no desenvolvimento do filho. A Nossa Educação Infantil é uma forte aliada para a aprendizagem e inserção de uma rotina saudável durante o período escolar.

A rotina na educação infantil possui um planejamento pedagógica próprio, respeitando as necessidades biológicas, sociais e psicológicas. Nessa ordem, temos as necessidades de alimentação e higiene, momentos de interação e, por último, o tempo que cada criança leva para realizar uma atividade escolar. Por isso, é respeitado o tempo dos indivíduos.

A escola exerce um papel importante nos primeiros anos da infância e sobretudo os pais que ainda pensam na escola como apenas um lugar para o filho brincar, está equivocado. Para um bom desenvolvimento e aproveitamento da Educação Infantil, O Colégio Desafio assume como suas responsabilidades estimular e proporcionar relações sociais e de desenvolvimento afetivo, em parceria com a família.

 

Entenda a rotina na educação infantil do Colégio Desafio:

Chegada

O horário de chegada na escola é marcado por músicas e/ou brincadeiras, feitas pelas professoras para recepcionar os alunos em sala de aula. É muito importante chegar no horário. Esse início tem o propósito de acolhimento, a fim de os pequenos entenderem que ali iniciam os compromissos escolares e precisam se desconectar dos pais por algumas horas. 

Roda/Conversa

Essa é a hora em que os professores abordam com eles o roteiro a ser trabalhado naquele dia. É feita a chamada e uma criança é escolhida para ajudar o professor, podem conversar sobre como foi sua rotina até a chegada à escola e demais assuntos. São também trabalhados o autoconceito (quem sou, como me chamo, onde vivo, o que faço, do que gosto, etc.) e a autoestima (o que penso de mim, como me valorizo, o quanto acho que as pessoas me valorizam, etc.). Esse diálogo com tarefas em sala ajuda no desenvolvimento emocional das crianças. 


Atividades

É o momento de colocar em prática as atividades do conteúdo proposto. O material Etapa, auxilia para que as atividades sejam planejadas com diferentes intuitos, favorecendo um bom desenvolvimento cognitivo das diversas áreas do saber. Os alunos podem trabalhar individualmente ou em grupos e em diferentes lugares, de acordo com a organização proposta pela professora.

Atividades extraclasse

É possível ampliar as atividades escolares explorando outros ambientes fora da sala de aula. Nosso Colégio possui diversos espaços pedagógicos para o desenvolvimento da aprendizagem extraclasse, como: Pátio externo e interno, sala multimídia, sala de leitura, além de um magnífico Teatro onde são trabalhadas inúmeras atividades enriquecedoras com as crianças.


Alfabetização

Não é feita a alfabetização da criança durante a Educação Infantil, mas é possível despertar a sua curiosidade para aprender a ler, escrever, apresentar as letras, sílabas e os sons, os números, cores, entre outros, tudo de forma lúdica e espontânea. A escola reconhece o seu papel nessa fase, tornando a sala de aula um lugar atrativo para as crianças gostarem de ir à escola e serem alunos. O que é imprescindível para continuar os estudos, não fadigar os alunos e incentivar um crescimento mais saudável e feliz.  

Lanche/Higiene

A hora do lanche, trabalha as necessidades biológicas da criança, higiene e organização. Se ensina a lavar as mãos, antes de comer e depois de usar o banheiro. Lida com o social e o psicológico dos pequenos, afinal é o momento de conversar com os coleguinhas e desenvolver a sua autonomia.

A hora de lanchar precisa de alegria, descontração e organização de forma educativa, é comum ter músicas sobre o tema incentivando a refeição e ensinando sobre os alimentos.


Brincadeiras

Todos que brincam tendem a ter uma infância mais feliz e se tornam adultos mais equilibrado física e emocionalmente, superando com maior facilidade os problemas cotidianos. Por meio das brincadeiras as crianças aprendem a dividir, a respeitar regras, a se relacionar e entre outras. O brincar exige participação e engajamento, com ou sem o brinquedo, sendo uma forma de desenvolver a capacidade de manter-se ativo e participante. É importante brincar para conhecer os próprios limites, sobre o seu corpo e desenvolver habilidades. A psicomotricidade é o movimento, a forma que as crianças utilizam para conhecer a si e ao mundo e então encontrar competências para atuar no meio em que vivem, desenvolver o toque, a segurança, o traçado, a ação motriz, o controle sobre os braços, as pernas e os movimentos em geral, a direção, etc. Atividades como correr, pular, dançar, desenhar, utilizar a massinha de modelar, entre outras, ocorrem diariamente na Educação Infantil.

O Brincar tem a vantagem de proporcionar alegria e divertimento, sendo um impulso no desenvolvimento da criatividade, na competência intelectual, na força e na estabilidade emocional, lidando diretamente com sentimentos de alegria e prazer. Assim, a criança cria e/ou reproduz situações cotidianas, o que colabora na construção da sua identidade, da imagem de si mesmo e do mundo que a cerca.  


Durante as Brincadeiras

Percebemos que muitas emoções, como ciúme, medo, tristeza, possessividade, tédio, ansiedade e surpresa, apresentam-se durante vários momentos e principalmente na hora do brincar, podendo levar a criança a reagir de maneira agressiva, apática ou exibicionista. Cabe, então, aos professores da Educação Infantil interferir e mediar esses conflitos através de trabalhos em grupo, do estabelecimento de regras, do respeito ao próximo e da imposição de limites. Desse modo, são proporcionados momentos em que as crianças aprendem a esperar sua vez, a dividir e a lidar com as diferenças, a devolver, percebendo-se membro de uma sociedade onde nem sempre elas serão consideradas o centro das atenções.

Despedida

Assim como na chegada, a saída também é marcada com músicas para os pequenos entenderem que é hora de encerrar as atividades escolares. Nesse momento, é ensinado a recolher os seus materiais, guardar os brinquedos, arrumar a sala, não mexer nos pertences dos outros e aguardar a chegada dos pais.

Pequenas ações por repetição sequencial, ensina a entender como funciona a rotina na escola e como levar isso para o convívio em casa.

 


Se esses itens citados forem aplicados na vida adulta, no convívio cotidiano, a sociedade se modificará. Em outras palavras, aprender a compartilhar as coisas que se sabe e que se tem é fundamental para as atividades e o convívio em grupo, seja nessa ou em outras fases escolares, seja na carreira profissional; jogar com as regras também é imprescindível para viver como cidadão engajado e consciente. A família e escola são essenciais no desenvolvimento das habilidades motoras e cognitivas da criança. Ambas devem ser parceiras nesse processo para que os pequenos tenham desde os primeiros anos, uma estrutura de qualidade, SÓLIDA e eficaz para durar ao longo da vida.





Comentários